Balanço Patrimonial | Escoca Contabilidade

Informações valiosas através do seu Balanço Patrimonial

A tríade infalível para melhorar os resultados da sua empresa. Iniciar pelo Balanço Patrimonial

Olá, tudo bem por aí?

Depois de definirmos o Planejamento Estratégico, uma grande questão que surge para os gestores, é sobre o acompanhamento dos resultados, que pode ser algo complexo para muitos que não conseguem metrificar variáveis importantes. 

Aliás, te pergunto, como você consegue avaliar se os resultados financeiros da sua empresa são satisfatórios? Qual é a sua base para tomada de decisão? 

Atualmente é muito comum, vários investidores e acionistas tomarem decisões através da análise fundamentalista que está fundamentada na avaliação de algumas demonstrações contábeis e indicadores, muito conhecidos, mas que nem sempre são bem explorados como poderiam.

Por esse motivo, vamos falar durante as próximas 3 semanas sobre cada uma dessas demonstrações para alavancar o seu conhecimento sobre cada uma delas.  Foram selecionadas  03 demonstrações contábeis mais usadas. Este texto faz parte de uma série de três artigos:

  • Como obter ganhos com Balanço Patrimonial?
  • Para que serve a Demonstração do Resultado do Exercício?
  • Desvendando a Demonstração do Fluxo de Caixa

Estes artigos te ajudarão a enxergar oportunidades através da análise e entendimento desses relatórios que têm como foco principal verificar a situação do patrimônio, em determinado momento, e as modificações ocorridas no período analisado, avaliando o grau de lucratividade da organização e se o planejamento foi plenamente atingido.  Bora lá?

  1. Como obter ganhos com Balanço Patrimonial?

O Balanço Patrimonial, mais conhecido como BP, é uma demonstração contábil que visa apresentar a situação financeira de uma empresa de um determinado período. Ele funciona como uma “fotografia” do patrimônio da empresa, que detalha todos os itens da organização que são divididos entre  ativo,  passivo e patrimônio líquido (PL).

O ativo de uma empresa está relacionado aos bens e direitos que ela possui (terrenos, dinheiro, estoque). Já o passivo se refere ao dinheiro que deve sair da empresa, as contas a pagar e todas as obrigações.

Já, o  patrimônio líquido é a quantidade de capital próprio que a empresa detém, podendo ser as ações, o capital que os sócios injetaram no empreendimento e o lucro reinvestido. 

Em suma, a situação da empresa em um dado momento é evidenciada pela equação:   ATIVO – PASSIVO = PATRIMÔNIO LÍQUIDO. Nessa figura, conseguimos visualizar a estrutura geral que é dividida no curto prazo (Circulante) e no longo prazo (Não circulante):

Balanço Patrimonial

Através do estudo dessas contas é possível extrair uma série de análises financeiras e verificar situações diversas. Por exemplo, você pode identificar o saldo das  contas a receber que sua empresa tem ao término de um período específico e adotar medidas preventivas contra a inadimplência para o setor de cobrança.

O BP também fornece o valor contábil dos bens registrados no Imobilizado  (veículos, máquinas, imóveis etc.) e  a desvalorização desses bens ao longo do tempo com o seu saldo residual, o que pode te dar suporte para investir em novos bens e vender  os bens mais desvalorizados.

Além disso, as informações sobre a capacidade de honrar os compromissos de curto e longo prazos, são relevantes para os donos e para os stakeholders, como as instituições financeiras, em que o interesse gira em torno da capacidade de quitar os valores emprestados. Nesse caso, a análise mais profunda pode evitar  que a empresa entre em um estágio de excesso de dívidas e insolvência financeira.

Contudo, os investidores dão uma importância maior para a taxa de retorno do investimento, a lucratividade e a alocação de recursos futuros, o que pode fazer com que injetem mais capital na empresa ou terem outra estratégia operacional.

Outra informação válida, é o valor de fornecedores em aberto que sua empresa possui e a quantidade de estoque disponível no momento, o que pode influenciar no processo de compras e cotações das mercadorias. 

Avaliando o BP, é possível constatar a capacidade de amortização da empresa, determinando-se as causas, impactos e perspectivas; ou, ainda, o patrimônio para fins de fusão, cisão, incorporação ou associação de empresas.

A análise das demonstrações, independentemente do tipo de atividade e do tamanho da empresa, indica os pontos fortes e de melhoria do desempenho operacional e financeiro da empresa. O conhecimento desses pontos, pode ser fundamental para melhorar o desempenho, bem como corrigir falhas identificadas.

Vale a pena fazer uma análise avançada, com seu contador consultor, para verificar a evolução do patrimônio da sua empresa, comparando o período atual com os anos anteriores.

E aí, pronto para analisar seu BP?  Até a próxima!

Fonte: Nucont – CSC por Escoca Contabildiade. (Parceria)

Compartilhe:

O ESCOCA CONTABILIDADE atua no mercado há mais de 40 anos e se destaca no ramo da contabilidade na região metropolitana de Campinas-SP por possuir experiências em prestar assessoria contábil aos mais diversos ramos empresariais. Garantimos a segurança que seu negócio precisa!

D4Sign

Facebook

Instagram

© 2019 | Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por 4 Mãos